Seguidores

sábado, 23 de abril de 2016

                                       
                                          clotilde

domingo, 28 de junho de 2015

Salmos 31:19-20-João16:33



Renove-se na paz da Minha presença. Esta paz pode ser sua o tempo todo e em todas as circunstâncias. Aprenda a se esconder no abrigo da minha presença, até mesmo enquanto cumpre suas obrigações diárias.Estou tanto com você quanto dentro de você. Estou à sua frente para abrir-lhe os caminhos, mas também sigo ao seu lado. jamais haverá outra companhia tão dedicada quanto Eu. 

Como sou seu companheiro constante, deve haver leveza em seus passos que seja notado pelos outros. Não se deixe abater pelos problemas e assuntos não resolvidos, porque carrego seu fardo. Você vai passar por provações e sofrimentos, mas não se desespere. Eu venci o mundo e acabei com o poder dele de ferir você. Em Mim você pode ter a segurança da paz.

Sarah Young

Salmos 105:4;Lucas10:39-42




Relaxe na minha presença curadora. Muitas vezes, enquanto você está comigo, seus pensamentos tendem a se desviar para seus planos e problemas. traga sua mente de volta a mim para obter alívio e renovação. Deixe que a luz da minha presença o inunde quando você concentrar seus pensamentos em mim. Assim, lhe darei condições para enfrentar qualquer coisa que aconteça durante o dia. este sacrifício me agrada e o fortalece. Não economize no tempo que passamos juntos. Resista ao clamor  das tarefas que estão à espera. Você escolheu o que é melhor, e isso não lhe será tirado.
*Sarah Young*

quarta-feira, 18 de fevereiro de 2015

"Amor um atributo de Deus..."

Deus nos mostrou o quanto nos ama: Rm 5.8

Descobrir o amor de Deus
Sua fidelidade seu amor
por nos,é tao imenso!!!

Ficamos todos ajoelhados
Como Estevão
Como Pedro
Como Paulo
Como os apóstolos
Como Salomão
Como Esdras
Como Daniel
Como o leproso
Como o pai do jovem lunático

                                                    

quarta-feira, 14 de maio de 2014

Um amor que engloba todos

O Senhor amou-nos primeiro:
Quando pecamos,
tu não nos deixa cair.
Quando sucumbimos,
tu nos ajudas a levantar.
Quando nos comvertemos
tu vens ao nosso encontro.
Quando duvidamos,
tu nos dás a tua palavra.
Quando a culpa nos esmaga,
tu nos prendes em teus braços.
Quando acreditamos,
tu nos poupas ao julgamento.
Quando morremos,
tu nos chamas à vida.
Por isso. podemos amar-nos uns aos outros.