Seguidores

sábado, 2 de junho de 2012

Á palavra

Á palavra é uma asa do silêncio
E a tua palavra fonte de beleza e plenitude
tua vida
Pétalas desfolhada, frágeis e sonolentas...
A palabra é uma asa pela metade...
Sombrios desfios...
Duçura recolhida...
Adormecida pela saudades
P.Neruda